O ex-governador de Goiás e empreendedor Otávio Lage de Siqueira nasceu em 1924, em Buriti Alegre – GO, filho do ex-deputado federal Jalles Machado e de Beatriz Lage de Siqueira. Formou-se em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da USP em 1948, mas foi como político e empresário que se notabilizou. Casou-se com Marilda Fontoura de Siqueira, com quem teve cinco filhos: Jalles Fontoura de Siqueira, Ricardo Fontoura de Siqueira, Sílvia Regina Fontoura de Siqueira e Otávio Lage de Siqueira Filho.

Otávio Lage iniciou sua atividade econômica na Fazenda Itajá, em 1949, em Goianésia-Go. Em 1956, instalou-se na Fazenda Vera Cruz, no mesmo município, onde implantou técnicas modernas para a criação de gado e plantio de café.

Para absorver e armazenar a produção agrícola da região fundou os Armazéns Gerais de Goianésia em 1968. A partir daí, houve a expansão dos negócios, com investimentos e iniciativas empresariais em vários segmentos da economia, surgindo o Grupo Otávio Lage. Atualmente, o Grupo possui investimentos nos ramos da pecuária, agricultura, cooperativismo de crédito, comunicação, produção de borracha natural, imobiliário e sucroenergético.

Otávio Lage entrou para a vida pública no início da década de 1960, quando assumiu a prefeitura de Goianésia (1962 a 1965). Ajudou a fundar o diretório da UDN na Cidade e depois a Arena e o PDS em Goiás. Recebeu títulos de cidadania de mais de 80 municípios goianos e de Alterosa (MG).
Em 1965, disputou o Governo de Goiás pela UDN, contando com o apoio do PSP e do PTB, sendo o último governador eleito pelo voto direto, antes da reabertura política no início da década de 1980. Sua administração foi marcada por obras de infraestrutura, como construção da segunda etapa da usina de Cachoeira Dourada e do Hospital Materno-Infantil, em Goiânia-GO. Além disso, investiu muito em Educação, construindo várias escolas de Ensino Fundamental e Médio.

Em 1980, com seu espírito visionário e para gerar empregos em Goianésia, com o apoio de fazendeiros da região, fundou a Destilaria Goianésia Álcool S/A, que se transformou na Jalles Machado, uma empresa do setor sucroenergético referência em qualidade, respeito ao meio ambiente e responsabilidade social.

Em 2004, recebeu da Assembleia Legislativa a Medalha do Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira, a maior honraria concedida pelo Poder Legislativo Goiano. Faleceu em 2006, em um acidente de trânsito a caminho da Jalles Machado aos 81 anos. Uma triste coincidência com a morte do pai, Jalles Machado, que também morreu aos 81 anos em um acidente fatal.

O dia de sua morte, 14 de julho, é feriado municipal em Goianésia. Otávio Lage é sempre lembrado pelo político, que foi prefeito da Cidade e governador de Goiás, pelo empresário, fundador da Jalles Machado e do Grupo Otávio Lage, mas principalmente pelo amigo, que estava sempre disposto a ajudar a todos que o procuravam, pelo seu trabalho, honestidade, pioneirismo e amor por essa terra e pelo seu povo, pela sua capacidade de plantar sonhos e fazê-los multiplicar. A sua filosofia de trabalho é mantida pelos seus filhos e netos que hoje gerenciam os negócios do Grupo Otávio Lage.

 

Saiba mais no vídeo que conta a história de Otávio Lage